Relatórios de Cenário de E-Threats Bitdefender

O objetivo deste relatório é fornecer uma investigação detalhada do cenário de ameaças \. Os especialistas em segurança Bitdefender ® \ analisam e examinam cuidadosamente as ameaças de cada semestre, concentrando-se em vulnerabilidades e exploração de software, diferentes tipos de malware, bem como medidas de segurança, prevenção de crimes cibernéticos e aplicação da lei. O Relatório do Cenário de Ameaças Eletrônicas concentra-se principalmente nas últimas tendências, mas também contém fatos e dados sobre os períodos previamente investigados, bem como várias previsões relacionadas aos semestres vindouros.Este documento é destinado principalmente a Gerentes de Segurança, Administradores de Sistemas e Rede, Programadores de Tecnologia de Segurança, Analistas e Pesquisadores de TI & Sistema de Computação \, mas também aborda questões relativas a um público mais amplo, como pequenas empresas ou usuários individuais preocupados com a segurança e a integridade de suas redes e sistemas.


Relatório do Cenário de Ameaças Eletrônicas H2 2012 - Síntese

Na primeira metade do ano, as vulnerabilidades de dia zero tiveram um papel essencial na disseminação de malware com pacotes de exploração como o vetor favorito para infecções. A perigosa exploração de dia zero ao Java Runtime Environment (CVE-2012-4681) foi documentada e evidência de conceito foi adicionada ao Metasploit, que se tornou de conhecimento público antes que uma correção fosse disponibilizada.

Como resultado direto, três bilhões de dispositivos executanto Java ficaram vulneráveis a exploração remota do código por cerca de 48 horas. Uma segunda exploração ocorreu em setembro e tinha como alvo o Internet Explorer 9. Uma exploração bem-sucedida poderia resultar no comprometimento remoto do sistema com a instalação da porta dos fundos (backdoor) Poison Ivy. Ambas as explorações de dia zero foram utilizadas em ataques persistentes e avançados.

O ano de 2012 viu flutuações na quantidade de junk e-mail em proporção ao tráfego de e-mails. O ano se iniciou com uma pequena queda no número de junk e-mails, mas o spam avançou consideravelmente na metade do ano. Conforme dados obtidos do laboratório Bitdefender Antispam, a segunda metade voltou a apresentar crescimento, com pouca variação ao final de 2012. Entretanto, o aumento no número de junk e-mails foi de apenas 5%, o que resultou em cerca de 73% do número total de e-mails enviados em todo o mundo.


  A descarregar agora todo Relatório do Cenário de Ameaças Eletrônicas H2 2012 (pdf)
  Baixe agora a visão geral Relatório do Cenário de Ameaças Eletrônicas H2 2012 - Resumo Executivo (pdf)